Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/2225
Title: Ser e como ser... eis a questão: a mudança necessária nos estilos de gestão pública
Authors: Osorio, Héctor Hérnan González
Publisher: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
Revista do Serviço Público (RSP)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/832/646
Language: Idioma::Português:portuguese:pt
Country: País::BR:Brasil
metadata.dc.type: Artigo
metadata.dc.description.physical: Número padronizado: v. 45, n. 3 (1994)
Revista do Serviço Público - RSP, ano 45, v. 118, n. 3, p. 65 - 72
Issue Date: Sep-1994
metadata.dc.rights.holder: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
metadata.dc.rights.license: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Administração Pública
Modernização. Reforma Administrativa
Abstract: A questão do redesenho do papel do Estado é objeto de importantes discussões sobre as estratégias para sair do subdesenvolvimento. Nessas discussões, uma abordagem mais qualitativa, que subordine os problemas de tamanho à definição de funções, não pode deixar de considerar a forma em que essas funções venham a ser executadas. O como ser é tão importante quanto o ser. Nesse sentido, a questão gerencial, que se manifesta na procura de novos estilos de gestão, marcados pela procura da qualidade e uma prática participativa, constitui uma tendência institucional tão importante quanto as diversas reformas estruturais que buscam reformular o estado brasileiro.
La cuestión de redelinear el papel del Estado es objeto de importantes discusiones sobre las estratégias para salir del subdesarrollo. En esas discusiones, un abordaje más cualitativo, que subordine los problemas de tamano a la definición de funciones, no puede dejar de considerar la forma en que esas funciones serán ejccutadas. El cómo ser es tan importante com el ser. En ese sentido, la cuestión gerencial, que se manifiesta en la búsqueda de nuevos estilos de gestión, marcados por Ia búsqueda de la calidad y una práctica participativa, costituye una tendencia institucional tan importante como las diversas reformas estructurales que procuram reformular el Estado brasileno.
The issue of redesigning the State is the object of important discussions on strategies to get out of underdevelopment. In those discussions, a more qualitative approach, which subordinates the problems of size to definition of functions, must consider the form in which functions would be executed . How to be is as important as to be. In that sen se, the issue of administration, which is manifested in thc search for new styles marked by the search for quality and by a participation pactice, is an institutional tendency that is as important as the many structural reforms that are aimed at reforming the brazilian State.
Keywords: papel do estado;  funções do estado;  tamanho do estado;  enfoque qualitativo do estado;  desempenho do estado
metadata.dc.description.additional: ISSN eletrônico: 2357-8017
ISSN impresso: 0034-9240
Publicado na seção Ensaio da RSP.
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/2225
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 1991 a 2000

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1994 RSP ano.45 v.118 n.3 set-dez p.65-72.pdf316,74 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.