Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1927
Title: Melhores práticas na modernização do Estado
Authors: Jann, Werner
Reichard, Christoph
Ervilha, Maria Christiana (tradutora)
Publisher: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/288/294
Language: Idioma::Português:portuguese:pt
Country: País::BR:Brasil
metadata.dc.type: Artigo
metadata.dc.description.physical: Número padronizado: v. 53, n. 3 (2002) Revista do Serviço Público - RSP, ano 53, n. 3, p. 33-52
Issue Date: Jul-2002
metadata.dc.rights.holder: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
metadata.dc.rights.license: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Administração Pública
Modernização. Reforma Administrativa
Abstract: Este artigo resume os primeiros resultados de um projeto de pesquisa internacional comparativa que avalia as mais importantes realizações da modernização dos Estados centrais em diferentes “países reformistas” ocidentais. Baseado em relatórios dos países por um número de conhecidos especialistas em administração pública e gestão pública da Dinamarca, Países Baixos, Nova Zelândia, Suécia, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos, novas práticas, que evoluíram de maneira similar em diferentes países, com tradições administrativas obviamente muito diferentes, culturas e caminhos de reforma, e que parecem funcionar, são identificados e analisados. A principal ênfase é na implementação, nos processos e nas práticas reais e no impacto de inovações em áreas claramente definidas de políticas públicas e/ou projetos, e não nos programas e estratégias gerais de modernização. O texto concentrase em três descobertas principais: em uma nova lógica de direção no nível do governo central (agencificação e direção contratual), nas inovações no campo do pessoal (normalização e orientação para a performance nos sistemas de pessoal) e na gestão financeira (orçamento e controle). O estudo conclui com algumas observações sobre estratégias de implementação (política administrativa) e com algumas experiências gerais deste tipo de esforço internacional cooperativo de pesquisa bastante incomum, baseado mais no material disponível e no julgamento esclarecido que em um avançado desenho de pesquisa.
Este artículo resume los primeros resultados de un proyecto de encuesta internacional comparativa que evalúa las más importantes realizaciones de la modernización de los estados centrales en diferentes “países reformistas” occidentales. Basado en informes para cada país hechos por un número de conocidos especialistas em Administración púbica y gestión pública de la Dinamarca, Países Bajos, Nueva Zelandia, Suécia, Suíza, Reino Unido y Estados Unidos, nuevas práticas, que evoluíran de manera similar en diferentes países, con tradiciones administrativas obviamente muy diferentes, culturas y caminos de reforma, y que parecem funcionar, son identificados y analisados. El principal énfasis es puesta en la implementación, en los procesos y prácticas reales y en el impacto de inovaciones en las áreas claramente definidas de políticas públicas y/o proyectos, pero no en los programas y estratégias generales de modernización. El texto concentra su foco en tres descobertas principales: en una nueva lógica de direción en el nivel del gobierno central (agencificación y dirección contratual), en las inovaciones en el campo del personal (normalización y orientación para la performance en los sistemas de personal) y en la gestión financiaria (presupuesto y control). El estudio concluye con algunas observaciones sobre las estratégias de implementación (política administrativa) y con algunas experiencias generales deste tipo de un esfuerzo internacional cooperativo de encuesta bastante inusual, basado más en el material disponible y en el juício esclarecido que en un avanzado dibujo de encuesta.
This paper summarizes first findings from an international comparative research project evaluating major achievements of central state modernization in different western “reformcountries”. Based on country reports by a number of well-known public administration and management experts from Denmark, the Netherlands, New Zealand, Sweden, Switzerland, United Kingdom, and the United States, new practices, which have evolved similarly in different countries, with obviously quite different administrative traditions, cultures and reform paths, and which seem to work, are identified and analysed. The main emphasis is laid on the implementation, on the real practices and processes and on the impact of innovations in clearly defined policy areas and/or projects, and not on general modernization strategies and programmes. The paper concentrates on three main findings: on a new logic of steering at central government level (agencification and contract steering), on innovations in the field of personnel (normalisation and performance orientation of personnel systems) and on public financial management (budgeting and accounting). It concludes with some observations about implementation strategies (administrative policy) and with some general experiences from this kind of a rather unusual international cooperative research effort, based more on available material and informed judgement than on an advanced research design.
Keywords: reforma do Estado;  reforma administrativa;  comparação internacional;  política administrativa;  modelo de reforma administrativa;  nova gestão pública
Target: realizar uma pesquisa internacional comparativa que avalia as mais importantes realizações da modernização dos Estados centrais em diferentes “países reformistas” ocidentais.
Target Audience: servidores públicos e sociedade brasileira
metadata.dc.description.additional: ISSN impresso: 0034-9240
ISSN eletrônico: 2357-8017
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1927
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 2001 a 2010

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2002 Vol.53,n.3 Jann e Reichard.pdf51,25 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.