Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1796
Title: Encontrando a combinação certa: decifrando significados e estratégias de integração
Authors: Keast, Robyn
Brown, Kerry
Mandell, Myrna
Publisher: Escola nacional de administração pública (Enap)
Revista do Serviço Público (RSP)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/101/97
Language: Idioma::Português:portuguese:pt
Country: País::BR:Brasil
metadata.dc.type: Artigo
metadata.dc.description.physical: Revista do Serviço Público - RSP, v. 63, n. 3, p. 313-341
Issue Date: Jul-2012
metadata.dc.rights.holder: Escola nacional de administração pública (Enap)
metadata.dc.rights.license: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Administração Pública
Desenvolvimento Social
Políticas Públicas e Sociais
Abstract: A integração tem papel cada vez mais importante no discurso e na prática das políticas públicas em muitos países. A partir de quadro diferenciado de instituição de relacionamentos entre prestadores de serviços, cidadãos e governo, arranjos de integração horizontal proporcionam novas formas de trabalho e fornecem soluções para problemas sociais aparentemente insolúveis. Maneiras de se obter a integração horizontal foram repetidamente definidas por termos associados à cooperação, coordenação e colaboração. Esses termos têm sido normalmente utilizados alternadamente para descreverem a união de pessoas trabalhando em esforço conjunto a fim de alcançar objetivos comuns. Ressalta-se que cada um dos termos expressos como os “3 Cs” são diferentes e, consequentemente, alcançam objetivos distintos. Este artigo explora o uso dos “3 Cs” e examina as diferenças destacadas por colaboradores na área de serviços sociais, ampliando a compreensão das ideias relativas às estruturas de integração. Afirma-se que, ao centrar-se nas experiências de integração, decifrando ou revelando o uso e as expectativas dos “3Cs” descritos, administradores públicos e colaboradores podem adquirir uma melhor compreensão de cada um dos processos de integração como uma estrutura coerente. Como consequência, a capacidade para combinar estruturas de integração adequadas se aperfeiçoará com os contextos e as estratégias traçados.
La integración desempeña un papel cada vez más importante en el discurso y en la práctica de las políticas públicas de muchos países. Al presentarse un marco distinto para instituir relacionamientos entre prestadores de servicios, ciudadanos y gobierno, los arreglos de integración horizontal proporcionan la oportunidad de haber nuevas formas de trabajo y soluciones para problemas sociales aparentemente irresolubles. El logro de la integración horizontal siempre estuvo relacionado a los conceptos de cooperación, coordinación y colaboración, que han sido empleados alternativamente en la descripción de la unión laboral de personas para el alcance de objetos comunes. Este artículo hace uso del término “3Cs” para referirse a los conceptos mencionados y examina las distinciones destacadas por los colaboradores del servicio social, ampliando la comprensión de lo que se entiende por estructuras de integración. Se puede afirmar que al centrarse en las experiencias de integración, buscando descifrar o revelar el uso y las expectativas de los “3Cs”, los administradores públicos logran mayor comprensión de cada uno de los procesos de integración – como una estructura coherente. Consecuentemente, la capacidad adecuada de combinación de estructuras de integración se perfeccionará a partir de los contextos e estrategias propuestos.
Integration has emerged as having an increasingly significant role in public policy discourse and practice in many jurisdictions across the globe. In providing a different framework for establishing relationships between service providers and citizens and government, horizontal integration arrangements offer the prospect of delivering new ways of working and providing solutions to seemingly insolvable social problems. Ways of achieving horizontal integration have been variously described by linkage terms such as cooperation, coordination, and collaboration. These terms have been typically used interchangeably to describe the coming together of individuals to work in concerted effort to achieve common goals. We argue that each of these terms, expressed as the “3Cs,” are different and consequently achieve different objectives. This paper explores the use of the “3Cs” and examines the differences highlighted by practitioners in the human services arena to extend the understanding of constructs relating to integration mechanisms. It is contended that in focusing on the experiences of integration and unpacking the use and expectations of the related “3Cs”, public administrators and practitioners will gain an enhanced understanding of each of the processes of integration as a coherent framework. As a consequence, there will be improved ability to match appropriate integration mechanisms with contexts and strategies.
Keywords: coordenação;  colaboração;  cooperação;  integração horizontal;  integración horizontal;  cooperación;  coordinación;  colaboración;  horizontal integration;  cooperation;  coordination;  collaboration
metadata.dc.description.additional: ISSN eletrônico: 2357-8017 ISSN impresso: 0034-9240
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1796
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 2011 a atual

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Encontrando a combinação certa_decifrando significados e estratégias de integração.pdf368,3 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.