Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1608
Title: A noção de competência na gestão de pessoas: reflexões acerca do setor público
Authors: Silva, Francielle Molon da
Mello, Simone Portella Teixeira de
Publisher: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
Revista do Serviço Público (RSP)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/67/63
Language: Idioma::Português:portuguese:pt
Country: País::BR:Brasil
metadata.dc.type: Artigo
metadata.dc.description.physical: Revista do Serviço Público - RSP, v. 62, n. 2, p. 167-183
Issue Date: Apr-2011
metadata.dc.rights.holder: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
metadata.dc.rights.license: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Gestão de Pessoas
Gestão Pública
Abstract: O presente ensaio traz à discussão a gestão por competências como atributo elementar para o desempenho organizacional, considerando o impacto que alterações sociais e econômicas têm no trabalho. O objetivo deste é contribuir para reflexões por parte de gestores, colaboradores e pesquisadores sobre a gestão por competências enquanto parte de uma gestão estratégica de pessoas, com uma visão mais abrangente. Para tanto, fez-se uma revisão bibliográfica que evidenciou a importância da gestão por competências no desempenho organizacional e na gestão estratégica de pessoas. O estudo aponta que o caminho ainda é vasto e impreciso nas empresas públicas pela complexidade cultural e política envolvida. O sucesso no desenvolvimento da gestão por competências (individual e organizacional) está em reconhecer que, por ser uma abordagem com foco nas pessoas, se trata de um processo evolucionário com eventos planejados e espontâneos que visam transformar comportamentos e atitudes, o que leva tempo e exige paciência ao longo das ações organizacionais do dia a dia.
Este ensayo discute acerca de la gestión de competencias como un atributo elemental para el desempeño de la organización, teniendo en cuenta el impacto de los cambios sociales y económicos en el trabajo. Su objetivo es contribuir a la reflexión sobre la gestión de competencias por los gerentes, empleados e investigadores, como parte de una gestión estratégica del personal, con una visión más amplia. Por lo tanto, se realizó una revisión de la literatura, que ha puesto en evidencia la importancia de la gestión de competencias en el desempeño organizacional y en la gestión estratégica del personal. El estudio señala que el camino todavía es amplio e impreciso en las empresas públicas, debido a la complexidad cultural y política en cuestión. Sin embargo, lo que inhibe el desarrollo de competencias individuales son los factores psicológicos, que van desde la percepción de los gerentes a las reacciones de los servidores frente a nuevos problemas. El desarrollo de la gestión por competencias (individual y organizacional) es reconocer la importancia de ser un enfoque centrado en la gente y un proceso evolutivo con eventos programados y espontáneos que tienen como objetivo cambiar los comportamientos y actitudes, lo cual lleva tiempo y paciencia para las acciones de la organización día a día.
This essay discusses about competencies-based management as an elemental attribute for an organizational performance, considering the social and economic changes impact on work. Its objective is to contribute to reflections by managers, laborers, and researchers on competencies management as part of strategic people management with a broader view. Therefore we conducted a literature review that has evidenced the importance of competencies-based management in the organizational performance and in strategic people management. The study points out that the path is still wide and imprecise in the public company, because of cultural and policy complexity involved. However, what inhibit the development of individual skills are the psychological factors, ranging from perception of managers to reactions of laborers face new problems. The development of competencies management (individual and organization) is to be recognized if the approaches are is going to be focusing on people and being an evolutionary process with planned and spontaneous events that aim to change behaviors and attitudes, which makes time and patience to organizational actions over day by day.
Keywords: gestão pública;  gestão de recursos humanos;  competências;  gestión pública;  gestión de los recursos humanos;  competencias;  public management;  human resources management;  competencies
Target Audience: Servidor Público
Sociedade Brasileira
metadata.dc.description.additional: ISSN eletrônico: 2357-8017 ISSN impresso: 0034-9240
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1608
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 2011 a atual

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A noção de competência na gestão de pessoas reflexões acerca do setor público.pdf247,37 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.