Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1588
Title: Índice de gestão municipal em cultura
Authors: Boueri, Rogério
Publisher: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
Revista do Serviço Público (RSP)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/26/23
Language: Idioma::Português:portuguese:pt
Country: País::BR:Brasil
metadata.dc.type: Artigo
metadata.dc.description.physical: Revista do Serviço Público - RSP, v. 60, n. 3, p. 251-275
Issue Date: Jul-2009
metadata.dc.rights.holder: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
metadata.dc.rights.license: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Cultura. Lazer. Esporte. Turismo
Abstract: O objetivo deste trabalho é o de construir um índice de gestão municipal em cultura, com o potencial de servir de balizador para as ações nesta área tanto no âmbito municipal quanto no das esferas estaduais e federal. Para tanto são utilizados dados do “Perfil dos Municípios Brasileiros – Cultura 2006”, publicado pelo IBGE, o qual dispõe das respostas de 5.562 municípios sobre cultura e gestão cultural. As respostas foram tabuladas e combinadas de forma a produzir variáveis específicas para a construção do índice. O método utilizado para a construção do Índice de Gestão Municipal em Cultura (IGMC) foi o de análise de componentes principais, que permite à própria amostra definir os pesos que cada variável exercerá na computação do índice final. Além do IGMC geral, foram computados no processo três subíndices, cada um deles procurando refletir um aspecto específico da gestão municipal em cultura, a saber: fortalecimento institucional e gestão democrática, infraestrutura e recursos humanos, e ação cultural. Os resultados obtidos permitem diversos tipos de comparações intermunicipais e regionais, bem como a prescrição de ações locais na área de gestão que visem à melhoria da administração cultural dos municípios.
El objetivo de este trabajo es construir un índice de la gerencia municipal en cultura, con el potencial de servir de guía para las acciones en esta área para las municipalidades cuanto para las provincias y para el gobierno federal. Son utilizados con este objetivo, los dados del "Perfil de las Ciudades Brasilenãs – Cultura 2006", publicados por el Instituto Brasileño de Geografia e Estadística – IBGE, que hace uso de las respuestas de 5.562 ciudades sobre cultura y gerencia cultural. Las respuestas habían sido tabuladas y combinadas de forma a producir variables específicas para la construcción del índice. El método usado para la construcción del Índice de Gerencia Municipal en Cultura (IGMC) fue el análisis de componentes principales, que permite que la propia muestra defina los pesos que cada una de las variables ejercerán en el cómputo del índice final. En adición al IGMC general, también tres subíndices fueran computados en el proceso, cada uno de ellos buscando reflejar un aspecto específico de la gerencia municipal en cultura, a saber: fortalecimiento de las instituiciones, infraestructura y recursos materiales y acción cultural. Los resultados conseguidos permiten diversos tipos de comparaciones Inter-municipales y Inter-regionales, así como la prescripción de acciones locales en el área de la gerencia cultural que tienen como objetivo la mejora de la administración cultural de las ciudades.
In the article it is described the formulation of an index of cultural management for the Brazilian municipalities, which may be utilized as a guide for policy not only by municipal authorities, but also for their state and federal counterparts. Principal Component Analysis (PCA) was used to build such index, which was named as Municipal Index of Culture Management (IGMC). PCA allows that the weights attached to each variable of the level of arbitrariness. Beyond the general IGMC, three sub indexes were also formulated, each one seeking to reflect one distinct aspect of the municipal management: the sub index of Institutional Enhancement and Democratic Management, the sub index of Infrastructure and Human Resources and the sub index of Cultural Action. The obtained results allow multiples comparisons among minicipalities, states and regions, as well as, the prescription of local policies that aims to enhance the cultural management at the municipal level.
Keywords: gestão cultural;  gestão municipal;  análise de componentes principais;  gerencia cultural;  gerencia de las municipalidades;  análisis de componentes;  cultural management;  municipal management;  principal components analysis
Target Audience: Servidor Público
Sociedade Brasileira
metadata.dc.description.additional: ISSN eletrônico: 2357-8017
ISSN impresso: 0034-9240
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1588
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 2001 a 2010

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Índice de Gestão Municipal em Cultura.pdf633,54 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.