Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/1482
Título: A perspectiva brasileira sobre a pobreza: um estudo de caso do Programa Bolsa Família
Título(s) alternativo(s): La perspectiva brasileña de la pobreza: un estudio de caso del Programa Bolsa Familia

The Brazilian perspective on poverty: a case study of the Bolsa Familia Program
Autor(es): Sant'Ana, Sarah Mailleux
Resumo: Tendo como pano de fundo a dificuldade de definir a pobreza, este artigo visa retomar parte da discussão sobre o tema, utilizando como estudo de caso o Programa Bolsa Família. Inicia-se com a definição institucional de pobreza dada pelo sociólogo alemão Georg Simmel passando-se, na seqüência, a uma abordagem mais substancial da pobreza e da relação entre trabalho e precariedade, desenvolvida por Robert Castel. Apresenta uma breve descrição do funcionamento do Programa Bolsa Família e alguns aspectos relacionados aos conceitos e modos de tratamento da questão da renda e da educação, bem como da família e dos modelos familiares, baseando-se também nos resultados parciais de uma pesquisa de campo realizada nos estados da Bahia, Pernambuco, Alagoas e Goiás. O texto trata ainda de alguns desafios administrativos na gestão do Programa e os preconceitos morais e sociais recorrentemente veiculados em relação a ele. Por fim, na conclusão, busca retomar a análise do Programa Bolsa Família, seus limites e desafios, defendendo a necessidade de participação de todos em um pacto social contra a pobreza e a desigualdade no Brasil.

Poniendo en contexto la dificultad en definir la pobreza, este artículo busca retomar parte de la discusión acerca de ese tema, teniendo como estudio de caso el Programa Bolsa Familia. Se comienza con la definición institucional de pobreza del sociólogo alemán Georg Simmel, pasándonse, a continuación, a un abordaje más substancial de la pobreza y de su relación entre trabajo y precariedad desarrollado por Robert Castel. Presenta una breve descripción del funcionamiento del Programa Bolsa Familia y algunos aspectos asociados a los conceptos y modos de tratamiento de la cuestión de la renta y de la educación, así como de la familia y de los modelos familiares, basandose también en los resultados parciales de una investigación realizada en los estados de Bahia, Pernambuco, Alagoas y Goiás. Este texto destaca posteriormente algunos de los retos administrativos en la gestión del Programa y los prejuicios morales y sociales recurrentemente vehiculados con respecto a ello. Por último, se concluye retomando el análisis del Programa Bolsa Familia, sus límites y desafíos, defendiendo la necessitad de participación de todos en un pacto social contra la pobreza y la desigualdad en Brasil.

By putting the difficulty in defining poverty into context, this article aims to recount the debate over this issue, presenting the Bolsa Familia Program (the conditional cash transfer program currently being implemented in Brazil) as case study. It begins by exploring the institutional definition of poverty given by the German sociologist Georg Simmel, as well the substantial approach to poverty and its intertwined relation between employment and precarity, developed by Robert Castel. The article then presents a brief overview of the Bolsa Familia Program functioning and some of the aspects related to concepts and modes of treatment of the issues related to income, education, family and family models. This part is based on the partial results of the field research conducted in the states of Bahia, Pernambuco, Alagoas and Goias. The paper also highlights some of the administrative challenges of the program management, as well as the moral and social prejudices repeatedly linked to the program. It concludes by reexamining the analysis of Bolsa Familia Program, its limits and challenges and stressing the need of a social pact against poverty and inequality in Brazil.
Palavras-chave: pobreza;  desigualdade;  trabalho;  programa bolsa família
Público alvo: Servidores públicos

Especialistas e interessados em políticas públicas e gestão governamental
Data: Jan-2007
Descrição física: Revista do Serviço Público - RSP, v. 58, n. 1, p. 05-35
Observações/Notas: ISSN Impresso: 0034-9240

ISSN Eletrônico: 2357-8017
Tipo: Artigo
Detentor dos direitos autorais: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
Termos de uso: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
URI: http://repositorio.enap.gov.br/1/1482
Aparece nas coleções:Revista do Serviço Público: de 2001 a 2010

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2007 Vol.58,n.1 Mailleux.pdf195,89 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir