Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/509
Título: Sistema integrado de informações previdenciárias: SIPREV
Autor(es): Brasil. Ministério da Previdência e Assistência Social (MPAS). Secretaria da Previdência Social (SPS). Departamento dos Regimes de Previdência no Serviço Público (DEPSP)
Resumo: No ano de 1998, a questão específica da gestão da previdência dos servidores públicos da União, Estados e Municípios emergiu como fator crítico, em face ao aumento exponencial do déficit financeiro e atuarial e do impacto desse desequilíbrio nas contas da União. Em razão disso, o Poder Executivo Federal patrocinou ampla reforma legislativa da matéria previdenciária pública, mediante aprovação da Emenda Constitucional nº 20/98 e da Lei 9.717/98, a chamada Lei Geral da Previdência Social, calcada em preceitos que possam assegurar equilíbrio financeiro e atuarial dos Regimes Próprios de Previdência Social - RPPS. A situação, àquela altura, da previdência gerida por Estados e Municípios, apresentava-se preocupante, especialmente quanto aos aspectos estruturais, operacionais e técnicos, incluindo base de informações desatualizadas, dispersas e pulverizadas nos diversos órgãos de cada ente federado, bem como gestores e técnicos desqualificados para atender aos novos preceitos estabelecidos pela Reforma Previdenciária. Para concretizar a intenção do legislador federal, a União, por intermédio do MPAS, deveria orientar, supervisionar, acompanhar e apoiar a reforma e gestão dos regimes próprios de previdência social. Para tanto, inicia-se, então, no âmbito do próprio MPAS, o processo de concepção institucional do SIPREV. O SIPREV possibilita inúmeros benefícios à sociedade, usuários, operadores e gestores previdenciários da União, Estados e Municípios, elencados a seguir: transparência das contas públicas, comprometimento dos segurados com a gestão previdenciária, integração da Previdência Social Pública, disseminação de ferramentas especializadas de gestão previdenciária, planejamento previdenciário, prevenção contra fraudes e informações históricas
Palavras-chave: Gestão previdenciária;  Fraude previdenciária;  Gestão da informação;  Controle social
Objetivo: O SIPREV foi proposto procurando atingir os seguintes objetivos: imprimir maior transparência à gestão fiscal; estabelecer controle social dos atos administrativos do gestor público; padronizar as bases de dados previdenciários dos estados, Distrito Federal, municípios e União; estabelecer um banco de dados nacional de servidores públicos; auxiliar os gestores previdenciários na organização dos regimes próprios de previdência e apoiar as reformas dos sistemas previdenciários; disponibilizar consultas automatizadas, rápidas, eficazes e seguras à sociedade e gestores públicos (controle social); permitir a utilização dos dados para análises econômicas, atuariais, gerenciais e estratégicas; permitir o controle das contribuições pelos segurados do RPPS, incluindo a emissão de extratos individuais; facilitar a compensação previdenciária entre os RPPS e o INSS; promover a geração automática dos demonstrativos previdenciários e da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF)
Público alvo: Servidores públicos
Data: Mar-2003
Data de início: 2000-10
Data de finalização: 2002-07
Descrição física: Número de páginas: 5 p.
Observações/Notas: Iniciativa premiada no 7º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal sob responsabilidade de Delúbio Gomes Pereira da Silva

Ações premiadas no 7º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal - Prêmio Hélio Beltrão - 2002

Áreas temáticas: gerenciamento de informações; gestão da informação
Tipo: Relato de Experiência
Detentor dos direitos autorais: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP)
Termos de uso: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais patrimoniais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc).
URI: http://repositorio.enap.gov.br/1/509
Aparece nas coleções:Concurso Inovação: de 2001 a 2005 (6ª a 10ª edição)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
043_02_Sistema integrado.pdf108,63 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir