Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/3446
Título: Avaliação da política de gestão de desempenho sob o ponto de vista das áreas de gestão de pessoas (AGP) na Administração Pública Federal
Autor(es): Pitelli, Robinson Rosario
Resumo: Nesse trabalho nos propusemos a identificar as principais críticas e percepções das Áreas de Gestão de Pessoas (AGP) sobre o processo de avaliação de desempenho na Administração Pública Federal (APF). Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas e analisados por meio da técnica de análise de conteúdo proposta por Bardin (2011). Trata-se de uma técnica que busca categorizar as falas para apontar concordâncias, desvios, tendências e predominâncias. Fizemos a amostragem por saturação, fechando o tamanho final da amostra em estudo e interrompendo as entrevistas quando observamos que as revelações passaram a se repetir. Dentre os achados prevaleceu a percepção de que as AGP demonstraram ter uma consciência bem clara da importância da correta aplicação das ferramentas de gestão de desempenho nos órgãos da APF. Essa postura, entretanto, encontra-se impregnada do sentimento de frustração que decorre das principais críticas ao modelo adotado que são a falta de rigor dos gestores na aplicação das ferramentas de avaliação e o pouco interesse dos gestores em capacitações para desenvolver essas habilidades. Quanto aos motivos apontados que levam a essa situação, a grande maioria citou o fato de haver vinculação entre a nota de desempenho e a remuneração do servidor. A possibilidade de provocarem uma redução nas remunerações de seus subordinados no curto prazo provoca um desencorajamento nos gestores para terem discussões mais objetivas sobre o desempenho no período. Há o temor de provocarem uma desagregação das suas equipes. Outros aspectos também foram explorados nas entrevistas tais como: cultura organizacional voltada para resultados, existência de normas e regulamentos para as avaliações, detalhes dos procedimentos adotados nas avaliações, etc. Nesses outros aspectos os relatos variaram bastante. Não obstante esse clima de frustração, notamos que todos os entrevistados, sem exceção, apresentaram grande disposição de trabalhar para mudar essa situação no curto prazo. Palavras-chave: avaliação de desempenho, gestão de pessoas no setor público, gestão de desempenho.
Palavras-chave: gestão de pessoas;  avaliação de desempenho;  gestão de desempenho;  setor público;  serviço público
Objetivo: Trabalho de conclusão de curso apresentado como parte dos objetivos necessários para obtenção do grau de Especialista em Gestão Pública, com foco em Gestão Estratégica de Pessoas.
Público alvo: Especialistas e interessados em Gestão Pública
Data: Mar-2018
Descrição física: 34 p.
Contexto de aprendizagem: 420 horas
Observações/Notas: Especialização em Gestão Pública – Gestão Estratégica de Pessoas, 11ª edição
Orientadora: Profa. Dra. Aleksandra Pereira dos Santos
Tipo: Monografia/ TCC
Detentor dos direitos autorais: Robinson Rosario Pitelli
Termos de uso: Termo::Autorização: O autor da obra autorizou a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP) a disponibilizá-la, em Acesso Aberto, no portal da ENAP, na Biblioteca Graciliano Ramos e no Repositório Institucional da ENAP. Atenção: essa autorização é válida apenas para a obra em seu formato original.
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/3446
Aparece nas coleções:Especialização Enap - Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Robinson Rosario Pitelli - TCC - EGP 11 - GEP.pdfArtigo principal1,61 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir