Título: Categoria Acadêmico Regulação Técnica 3º Lugar: A implantação de standard operating precedures como instrumento gerencial da segurança operacional de empresas aeroagrícolas
Autor(es): Vaz, Vivian Tosin
Editor: Esaf
Idioma: Idioma::Português:portuguese:pt
País: País::BR:Brasil
Tipo: Monografia/TCC
Extensão/Indicação de Série: 68 páginas
Data: 2016
Detentor dos direitos autorais: Vivian Tosin Vaz
Termos de uso: Termo::Autorização: O autor da obra autorizou a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP) a disponibilizá-la, em Acesso Aberto, no portal da ENAP, na Biblioteca Graciliano Ramos e no Repositório Institucional da ENAP. Atenção: essa autorização é válida apenas para a obra em seu formato original.
Classificação Temática: Orçamento e Finanças
Resumo: O objetivo deste trabalho é explicitar a necessidade de padronização dos procedimentos operacionais, bem como sua redação e publicação no formato de SOPs pelas empresas aeroagrícolas. O estudo surgiu da percepção da importância de tais publicações como ferramenta auxiliar de gerenciamento dos riscos inerentes à atividade, levando-se em consideração o fato de o Brasil possuir a segunda maior frota de aeronaves pulverizadoras, tendendo ao crescimento com a consolidação do país como um dos líderes agrícolas mundiais. A pesquisa bibliográfica será a metodologia que norteará o trabalho para, em um primeiro momento, a apresentação de um breve histórico da aviação agrícola brasileira e, após, para a fundamentação teórica de conceitos como Gerenciamento de Risco e Trinômio Homem-Meio-Máquina bem como sua evolução para o Modelo 5M. No decorrer, este trabalho define e quantifica percentualmente os três principais fatores contribuintes dos acidentes envolvendo aeronaves agrícolas, entre 2008 e 2014, relacionados ao Fator Operacional. Faz um estudo comparativo dos acidentes envolvendo as aeronaves PR-TPL e PT-UNB e PT-UPZ, PT-UUC e PT-UYF, mostrando como ações ou omissões organizacionais influenciam diretamente na operação e alerta para o perigo da sobreposição da cultura organizacional e do empirismo à padronização. Delineia os modelos SHELL e Reason, cita a evolução deste para novos modelos de análise e gerenciamento do risco e apresenta o SOP como ferramenta que prima tanto pela eficácia e eficiência gerencial e operacional quanto pela redução dos acidentes e incidentes. Cita também, tópicos vistos como importantes a serem abordados nos SOPs de empresas aeroagrícolas, visando à melhoria da Segurança Operacional pelo gerenciamento dos principais fatores contribuintes aos acidentes. Por fim, faz uma breve conceituação sobre Reações à Mudanças.
Palavras-chave: gestão de risco;  análise;  projeto de desenvolvimento agrícola;  agricultura;  economia
Objetivo: Categoria: Acadêmica Tema: Regulação Técnica Subtema: Safety – Sistemas de Gerenciamento de Segurança Operacional
Monografia apresentada no Prêmio ANAC 10 anos - acadêmico e jornalístico - 2016
Público alvo: Especializado
Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS): 16. Paz, justiça e instituições eficazes - Promover sociedades pacíficas e inclusivas par ao desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.
Observações/Notas: Monografia publicada no Prêmio ANAC 10 anos - acadêmico e jornalístico - 2016
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/5873
Aparece nas coleções:Prêmio ANAC 10 Anos
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
autora-vivian-tosin-vaz.pdf1,38 MBAdobe PDF Thumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens da Biblioteca Digital são de acesso aberto para uso não comercial, desde que citada a autoria e a fonte. Salvo quando outras restrições estiverem expressas no termo de uso.