Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/2078
Título: Demandas sociais e reconstrução do estado
Autor(es): Rodrigues, Indiana Pinheiro Fonseca
Editor: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
Revista do Serviço Público (RSP)
Endereço Eletrônico: http://seer.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/833/647
Idioma: Idioma::Português:portuguese:pt
País: País::BR:Brasil
Tipo: Artigo
Descrição física: Revista do Serviço Público - RSP, ano 45, v. 118, n. 3, p. 73 - 80
Número padronizado: v. 45, n. 3 (1994)
Data: Set-1994
Detentor dos direitos autorais: Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
Termos de uso: Termo::Licença Padrão ENAP::É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).
Classificação Temática: Administração Pública
Políticas Públicas e Sociais
Teoria das Políticas Públicas e Sociais
Resumo: O Brasil tem vivido num estado mais ou menos permanente de crise, marcada por momentos de exacerbação, entremeados por outros momentos de relativa normalidade. A demanda por mudanças é evidente. Uma reflexão sobre a formação do Estado brasileiro e sobre seu aparato político e burocrático, pode nos ajudar a entender os obstáculos que têm, recursivamente, impedido o governo de responder às demandas sociais. A convivência com dificuldades econômicas e financeiras, sem precedente, nas duas últimas décadas, tem induzido as autoridades a condicionar o social ao econômico e financeiro. A mais urgente das reformas é reconstruir nossas instituições, com base em valores, verdadeiramente democráticos, garantindo o direito de cidadania para toda a população.
Brazil has been living in a sort of permanent crisis, marked by ixasperation with inttermittent periods of relative normality. The demand for changings is evident. A reflexión on the formation of the Brazilian State and it’s political and bureaucratic apparatus can help us understand the obstacles that have constantly obstrueted lhe govemment’s response to social demands. Dealing wilh economic and financial dificulties, in a mannerwithout precedents in the past two decades, has induced the authorities to condition the social to the economic and financial. The most urgent of the reforms is to rebuild our institutions, based on truly democratic values, assuring the right to citizenship for the entire population.
Brasil ha vivido en un estado más o menos permanente de crisis, marcada por momentos de exacerbación, mezclados con otros momentos de relativa normalidad. La demanda por câmbios es evidente. Una reflexión sobre la formación dei Estado brasileno y sobre su aparato político y burocrático nos puede ayudar a entender los obstáculos que han impedido que el gobierno responda a las demandas sociales. La convivência con dificultades econômicas y financieras, sim precedente en las últimas décadas, ha inducido a las autoridades a condicionar lo social a Io econômico y financiero. La más urgente de las reformas es reconstruir nuestras inslituciones, con base en valores verdaderamente democráticos, asegurando el derecho de ciudadanía a toda Ia población.
Palavras-chave: cidadania;  democracia;  crise do estado;  crise econômica;  estado brasileiro;  reforma do estado;  direitos sociais
Observações/Notas: ISSN eletrônico: 2357-8017
ISSN impresso: 0034-9240
Publicado na seção Ensaio da RSP.
URI: http://repositorio.enap.gov.br/handle/1/2078
Aparece nas coleções:Revista do Serviço Público: de 1991 a 2000

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1994 RSP ano.45 v.118 n.3 set-dez p.73-80.pdf286,86 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens da Biblioteca Digital são de acesso aberto para uso não comercial, desde que citada a autoria e a fonte. Salvo quando outras restrições estiverem expressas no termo de uso.